EMBRAPA: FATURAMENTO DE LAVOURAS DE CAFÉS É ESTIMADO EM R$ 55,95 BILHÕES PARA ESTE ANO

Postada em 24 março 2024, 14:19:00

'Receita dos cafés da espécie Coffea arabica foi calculada em R$ 40,89 bilhões (73%) e   Coffea canephora em R$ 15,06 bilhões (27%)'

 

Estimativas iniciais previstas para o presente ano-cafeeiro em curso, de 2024, indicam que o faturamento bruto das lavouras dos Cafés do Brasil deverá atingir o montante total de R$ 55,95 bilhões. Neste contexto, a receita dos cafés da espécie Coffea arabica (café arábica) foi calculada em R$ 40,89 bilhões, a qual corresponde a 73% do total geral, e, adicionalmente, os cafés da espécie Coffea canephora (robusta+conilon) tiveram seu respectivo faturamento estimado em R$ 15,06 bilhões, montante que equivale a 27% do total nacional.

 

Como o faturamento bruto do setor em 2023 foi de R$ 49,04 bilhões, caso seja feito um comparativo com o previsto para 2024, verifica-se que tal estimativa, se confirmada, representará um expressivo acréscimo em torno de 14%. E, neste caso, como em 2023 os cafés da espécie de C. arabica tiveram uma receita bruta de R$ 37,37 bilhões, na comparação com o estimado para 2024 constata-se que haverá um aumento de 9,4%. E, adicionalmente, com relação aos cafés da espécie de C. canephora, cujo faturamento foi de R$ 11,67 bilhões em 2023, verifica-se que também haverá um expressivo incremento de 29%, nesta mesma base comparativa.

 

Expandindo esta análise, merece destacar que o total geral do Valor Bruto da Produção – VBP estimado para o ano corrente de 2024, o qual é calculado tendo como base o somatório das receitas de dezessete lavouras selecionadas para este fim, atingiu o montante de R$ 781,39 bilhões em nível nacional.

 

Em complemento, tendo como referência o montante total das lavouras, caso seja feito um ranking do VBP das cinco maiores em 2024, constata-se que a soja desponta em primeiro lugar, com R$ 273,29 bilhões, que equivalem a 35% do faturamento nacional; seguida do milho, com R$ 128,29 bilhões (16,4%). Na terceira posição vem a cana-de-açúcar (R$ 112,98 bilhões – 14,4%); na quarta colocação o café, com R$ 55,95 bilhões, cuja receita bruta corresponde a 7,1%; e, por fim, o algodão com R$ 31,26 bilhões, que teve sua receita estimada correspondente a 4% do total das lavouras em nível nacional.

 

Convém também destacar que esta análise e divulgação em foco do faturamento dos Cafés do Brasil em 2024 tem como base e referência os dados constantes do Valor Bruto da Produção – VBP – Fevereiro 2024, estudo que é elaborado e divulgado mensalmente pela Secretaria de Política Agrícola – SPA, do Ministério da Agricultura e Pecuária -  Mapa, o qual também está disponível na íntegra, assim como todas as demais edições desse documento, no Observatório do Café do Consórcio Pesquisa Café, rede integrada de pesquisa coordenada pela Embrapa Café.

 

Conheça o acervo de publicações da Embrapa Café e baixe os arquivos pelo link https://www.embrapa.br/cafe/publicacoes.

Acesse também todas ANÁLISES e notícias da cafeicultura no Observatório do Café.

 

 

Chefia de Transferência de Tecnologia da Embrapa Café

Embrapa Café

Observatório do Café

Consórcio Pesquisa Café

Enquete

ELEIÇÕES UNIFICADAS: CONGRESSO DEBATE ACABAR COM ELEIÇÕES DE 2 EM 2 ANOS. VOCÊ CONCORDA?

45
11
2
Resultados
© 2023 Central Rondonia - Todos os direitos reservados
desenvolvimento Adilson