Pelas últimas movimentações no Palácio Urupá (prefeitura) de Ji-Paraná, observa-se que o prefeito Isaú Raimundo da Fonseca (MDB) estaria entrando em Rota de Colisão com o senador, Marcos Rogério (DEM) e o deputado Laerte Gomes (PSDB), dois dos importantes apoios na sua vitória nas eleições de novembro passado.

Reinaldo Pereira já não é mais secretário de Agricultura de Ji-Paraná

Esta, bem provável, falta de alinhamento político fica claro com a saída na última semana do titular da Secretaria de Agricultura (Semagri), Reinado Pereira. Ele, teria pedido para deixar o cargo a pedido de Laerte Gomes, insatisfeito com a administração Isaú Fonseca. Por parte de Marcos Rogério, Antônio Marcos (Fuscão) presidente da Autarquia Municipal de Trânsito (AMT), também já teria recebido o Sinal Verde para entregar o cargo. Esta coluna tentou contato com os dois parlamentares, sem obter êxito. Já uma fonte da própria prefeitura, confirmou a saída de Reinado Pereira. O novo títular deve ser anunciado nos próximos dias.

ROTATÓRIA

Enquanto, ainda permanece no cargo, Antônio Marcos presidente da AMT atendendo moradores e comerciantes do bairro, Casa Preta foi no sábado até o cruzamento faz ruas Mato Grosso com JK para analisar a possibilidade da instalação de uma rotatória. A justificativa é que o referido ponto representa alto índice de incidência de acidentes e grande fluxo de pedestres.

SEMEIA

A Secretaria de Meio Ambiente (Semeia), Jeane Muniz deve retornar as suas atividades, nesta segunda-feira (19). Ela estava afastada em decorrência de complicações de saúde, causadas pelo novo Coronavírus (Covid-19). Jeane Muniz foi ficou um período internada com quase 70% dos pulmões comprometidos. O esposo, Antelmo Ferreira, também estava afastado das funções de Diretor da Vigilância Sanitária pelo mesmo motivo.

QUEBRADOS

Por falta de equipamentos, os dois caminhões usados na manutenção do serviço de Iluminação Pública, estão parados. Um deles, o problema é no sistema hidráulico. A situação, ainda fica mais complicada com a falta de equipamentos de reposição como lâmpadas, brações, relês, fios e muitos outros há mais de dois meses. A prefeitura tenta resolver com uma licitação no valor de R$ 350 mil.

PERDEU

E a prefeitura de Ji-Paraná terá que reintegrar uma servidora, afastada de suas funções, após ter participação de uma reunião com vereadores no hospital – Claudionor Roriz. A reunião tinha como objetivo coletar as demandas da referida unidade de saúde. O afastamento foi parar na Justiça, sendo favorável a servidora que deve retornar já a partir desta segunda-feira, 19.

Autor:

www.centralrondonia.com