Nesta quinta-feira, 21,a partir das 8 horas, alunos do 5º Ano da escola Almir Zandonadi estarão participando de um pit stop educacional em frente a um supermercado, no cruzamento da Avenida Marechal Rondon com a Rua dos Mineiros, sobre racismo na infância. A iniciativa faz parte de uma campanha nacional em parceria com o Fundo das Nações unidas para a Infância (UNICEF) que tem como tema “Por uma infância sem racismo”. Em Ji-Paraná, a Prefeitura tornou a atividade uma ação Intersetorial envolvendo as secretariasmunicipais de Educação, Saúde e Assistência Social.

O pit stop faz parte de uma série de ações que são requisitos para que o Município receba o Selo UNICEF edição 2017-2020. Ao aderir ao Selo UNICEF, o município assume o compromisso de manter a agenda de suas políticas públicas pela infância e adolescência como prioridade.

De acordo com a coordenadora de Cultura da Secretaria Municipal de Educação, Suzana Rocha “o cumprimento da Lei n°11645/2008, que incluiu a obrigatoriedade da cultura afro-brasileira e indígena no currículo escolar, faz parte das atribuições necessárias para o recebimento do Selo UNICEF. Desde de 2003, o Município vem implementando ações de formação continuada para os professores da Rede Municipal de Ensino, bem como a aquisição de material com recursos próprios para trabalhar a temática nas escolas.

O Selo UNICEF contribui para o alcance de 8 dos 17 objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma agenda global acordada por todos os Estados-Membros das Nações Unidas até 2030.

Estão aptos a participar da atual edição do Selo UNICEF 2.314 municípios de 18 estados do Semiárido e da Amazônia Legal brasileira – regiões que concentram a maior parte dos meninos e meninas excluídos ou em condições de vulnerabilidade social. 

Semiárido: 1.509 municípios nos estados de AL, BA, CE, MG, PB, PE, PI, RN e SE.
Amazônia: 805 municípios nos estados de: AC, AM, AP, MA, MT, PA, RO, RR, TO.

Vivem nestes 2.314 municípios mais de 22 milhões de meninas e meninos de até 17 anos. 

Autor:

Assessoria

Prefeitura